Memorial do Consumo

Cristina, 57 anos, Professora de Ciências

Consumoemprimeira

“Quando eu era criança eu tinha muitos brinquedos, mas um brinquedo que eu não tinha era um laboratório de química. Então eu costumava pegar embalagens pra fingir que eram os instrumentos de laboratório. Eu improvisava com embalagem de detergente, de cândida, de cremes faciais, vidrinhos de remédio e canudinhos de refrigerante, fingindo que eram meus tubos de ensaio, minhas buretas, pipetas e todo o material. Eu adorava usar as embalagens que iam ser jogadas fora. Já fazia reciclagem naquele tempo. [risos].”

– Cristina, 57 anos, Professora de Ciências

SOBRE O AUTOR

Maria Beatriz Portelinha é mestranda do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas do Consumo da ESPM-SP.